Get Adobe Flash player

O que fomentamos

Com o intuito de promover a formação de jovens jornalistas, a Fundação Heinz Kühn oferece bolsas de estudo de seis semanas a três meses no exterior para jornalistas do estado da Renânia do Norte-Vestfália. Também são oferecidas bolsas de estudo na Renânia do Norte-Vestfália para jornalistas de países em desenvolvimento. A duração dessas bolsas é de quatro a seis meses. A bolsa da Fundação Heinz Kühn oferece aos jovens jornalistas a possibilidade de desenvolver e aprimorar seus conhecimentos jornalísticos; conhecer pessoalmente uma nova cultura de forma intensa e sem nenhum tipo de pressão.

Quem pode se inscrever para uma bolsa

Podem se inscrever jovens jornalistas do estado da Renânia do Norte-Vestfália e de países em desenvolvimento. Os pré-requisitos são:

  • Especial interesse em políticas de desenvolvimento;
  • Curso superior em Jornalismo e experiência na area;
  • Idade limite de 35 anos;
  • Candidatos estrangeiros devem comprovar conhecimentos linguísticos básicos em alemão.

O que a bolsa oferece

Os bolsistas recebem:

  • Uma ajuda de custo para despesas pessoais durante a permanência no país anfitrião. (A bolsa é calculada de forma a cobrir os custos básicos para a permanência no país anfitrião);
  • Uma ajuda de custos para financiar os gastos com as passagens aéreas (para os bolsistas estrangeiros a fundação paga as passagens de ida e volta);
  • Uma ajuda de custo adicional (para compra de livros e para viagens no país anfitrião);
  • Somente para bolsistas estrangeiros, a fundação oferece um curso de alemão, de até quatro meses, nos Institutos Goethe de Düsseldorf e Bonn;

Antes da concessão da bolsa e durante a permanência do bolsista no país anfitrião a Fundação Heinz Kühn oferece um acompanhamento profissional adequado às necessidades de cada bolsista.

Obrigações do bolsista

Os bolsistas do estado da Renânia do Norte-Vestfália são obrigados a, junto com a fundação, definir um plano de trabalho e viagem, que deverá ser, dentro do possível, mantido durante a sua permanência no país anfitrião. Eles também são obrigados a apresentar um relatório de suas atividades cerca de seis semanas após o seu retorno. Os bolsistas estrangeiros também ficam obrigados a apresentar um relatório sobre suas atividades na Alemanha ao final de sua estada no país. A Fundação Heinz Kühn publica um anuário com os relatórios dos bolsistas.

Como se candidatar

Jornalistas da Renânia do Norte-Vestfália que preencherem os pré-requisitos para a obtenção da bolsa podem entrar em contato com a Fundação Heinz Kühn para definir seu país de destino e o tema de seu projeto. Candidatos estrangeiros podem buscar esclarecimentos junto à fundação durante o processo de inscrição. As propostas devem ser enviadas até 30 de novembro. O processo de seleção termina em março do ano seguinte.

Os documentos devem ser enviados somente por correio (e não por e-mail) para o seguinte endereço:

 

Ministerpräsidentin des Landes Nordrhein-Westfalen

Heinz-Kühn-Stiftung

Fürstenwall 25

40219 Düsseldorf 

 

Os seguintes documentos devem ser enviados: 

  • Curriculum vitae em alemão com uma foto recente;
  • Certificado sobre a profissão exercida;
  • Certificado sobre conhecimentos linguísticos de alemão, para os estrangeiros e da língua do país anfitrião, para os alemães;
  • Um texto explicando as motivações pessoais do candidato, seus temas de interesse e, para os candidatos alemães, indicações de temas para sua pesquisa.

Sobre o processo de seleção

Os candidatos da Renânia do Norte-Vestfália são convidados para uma entrevista com um comitê presidido por um integrante do conselho da Fundação Heinz Kühn. Os candidatos estrangeiros são selecionados pelo conselho da fundação a partir da análise dos documentos apresentados.

 

Como obter mais informações

Senhora Ute Maria Kilian em Düsseldorf

Tel.: +49(0)211 837 1274

e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.